DESMANDO DE UM PASTOR

Imagem

 

DESMANDO DE UM PASTOR

 
A Obra é do Espírito Santo.

Esse breve relato, sim breve relato, não tem por base nenhum sentimento de
revanchismo, vingança ou qualquer outro direcionamento além do desejo de que se
restabeleça a paz em muitos ministérios e igrejas de Maceió, e trata-se apenas de
parte da truculência e desmandos do pastor Mota, durante a minha vida cristã aprendi
que o discurso diferente da prática jamais deveria se aplicar ao cotidiano dum pastor,
contudo é exatamente o que presenciamos todos os dias, seja em reuniões, púlpito ou
assistência ao rebanho.

Somos muitos, os amedrontados e tristes em vê o tirano que se transformou o pastor
Mota, pastores com medo que se calam diante de absurdos; o que dizer de um pastor
que se orgulha em afirmar e reafirmar que já matou algumas pessoas, inclusive de
púlpito em mensagens subliminares; que perseguiu um ônibus com sua arma em
punho a tirar satisfações com o motorista que quase atropelou seu filho próximo ao
colégio e que noutra ocasião induziu uma irmã ao erro com o objetivo de tomar-lhe a
frente na negociação de aquisição da casa que ora reside, onde outrora funcionava a
igreja do Henrique Equelman.

Trabalhar armado é prerrogativa de um policial, até matar desde que no estrito
cumprimento do dever e em defesa de sua própria vida ou de outrem, tem amparo
legal, mas daí a ter prazer em matar ou buscar ocasião para tal, absolutamente não,
muito menos ostentar sua arma e metralhadora da corporação no Maanaim e pedir
para um companheiro pastor guardar sua arma.

Alguns irmãos, mais esclarecidos obviamente, que conhecem a essência da
Obra do Espírito Santo, ao tomarem conhecimento prévio que ele estará na igreja
simplesmente preferem faltar ao culto.

É do conhecimento de todos, o seu desrespeito .

Através de comentários negativos de outros pastores na ausência destes, inclusive
que seu ministério foi mais rentável financeiramente que alguns que lhe sucederam.

Aparentemente algumas contas do Maanaim estão corretas, pelo menos naquelas
despesas que são cuidadosamente relacionadas com o objetivo de transparecer lisura,
embora poucos percebam nem tudo é contabilizado.

Ele foi se apossando de tudo, sempre com a mesma desculpa de que ninguém queria responsabilidade e quando
aparecia ou aparece alguém logo se encarrega de desestimular a qualquer custo e
finalmente conquistar o presbitério através de “bons resultados”.

Aqui, o governo não é do Espírito Santo e sim de um homem que se esqueceu do seu
chamado e se transformou num déspota, tirano, sanguinário e cruel e é este o motivo
de não me identificar, pois temo pela minha vida.

É eu sei, até parece que não estou falando de um PASTOR, mas é a pura verdade.

Estamos a passos largos, guiados pelo Senhor nosso Deus ao encontro das suas
riquezas, na certeza que Suprirá as nossas necessidades.

Ah, temos pastores maravilhosos, e o meu objetivo é que de alguma maneira,
iluminado pelo Espírito Santo, o Conselho Presbiteral ajude o pastor Mota a rever seus
princípios, pois Jesus Cristo transforma.

Recebi inbox

Cavaleira da Verdade

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s